Lembra que falei aqui do Café em Paris que tem máquinas de costura a disposição dos clientes?

O pessoal do Café Costura do Rio de Janeiro, entrou em contato comigo para falar do projeto deles, que tem a mesma inspiração.

Aproveitando o convite da Guaíra e da Giselle pedi pra minha amiga Rach, do Casinha, dar uma passada lá pra me contar o que há de bom por lá…

Ela me contou que a proposta é muito legal. Quem curte costurar ou quer começar a se aventurar já tem refúgio: o ateliê fica em uma rua tranquila de Ipanema, num sobrado super charmoso. Lá, o Café Costura e a Benvinda, formam a Casa Benvinda.

detalhe na porta da varanda

A ideia do espaço é muito bacana: um curso de costura onde as alunas colocam a mão na massa desde a primeira aula. As aulas são semanais e cada pessoa leva o que quer fazer. Você pode levar uma roupa que gosta muito e copiar, um molde, um desenho ou até mesmo uma foto. Lá também tem um acervo de revistas nacionais e importadas pra servir de inspiração pra quem não chega com um modelo na cabeça. Mas não é só roupa, não: você pode fazer um projeto de costura pra casa, como almofadas, cortinas, toalhas… Cada um evolui individualmente no seu projeto, mas a troca com as outras alunas ajuda muito e, claro, a ajuda da professora. Os horários são super variados e você também pode marcar um horário particular. Não precisa ter nenhum conhecimento prévio de costura, nem a mão, nem a máquina. Elas ensinam tudo na aula.

almofada de crochê

Não é uma doceria ou café, como em Paris, mas tem sempre café e biscoitinhos para as alunas.

Materiais como tesouras, alfinetes, fita métrica e os aviamentos como linha, botão e zíper, tudo você encontra lá. Os tecidos você que escolhe, compra e leva pra sua peça. O curso não tem duração certa e cada pessoa decide se quer continuar ou não, com um novo projeto. O importante é você sair de lá com a sua peça na mão!

revistas e café

A Rach falou uma coisa muito legal: O mais bacana é realmente este resgate do prazer de costurar, independente de ter ou não máquina em casa, e aprender a costurar aquilo que te interessa. Vale pelo prazer, pelo aprendizado, pela reciclagem (para as pessoas que já têm noção de costura) e pela peça que fica pronta no final e feita por você! Ela também disse que o ambiente é alegre, descontraído, com gente de todas as idades – de adolescentes a senhorinhas que preferem ir para o Café do que fazer suas costurinhas em casa, sozinhas.

mesa de costura

A Guaira, que é a mãe da idéia do curso, dá as aulas com mais uma pessoa. A Giselle cuida da marca Benvinda. E não pense que lá é um clube da Luluzinha não: elas contaram que já tiveram até um aluno homem que foi pra lá porque queria fazer o vestido de noiva da mulher!! Imagina???

Quero agradecer a Guaíra e a Giselle por terem recebido a Rach super bem, e por terem sido muito simpáticas e receptivas.

arara

Assim que eu for ao Rio de novo, pode ter certeza que passo lá!

E se você gosta de casa e decoração e, assim como eu, não abre mão ter o seu canto com charme, mesmo que com pouco dinheiro, vai lá no blog da Rach, o Casinha, pra ver um monte de dicas maneiras!

Veja também: